5 características fundamentais para ser um empreendedor de sucesso

setembro 22, 2017

Empreendedor de sucesso

Um estudo realizado nos Estados Unidos definiu cinco características básicas para um empresário obter sucesso em seu negócio. Vamos analisar um pouco cada uma delas:

 

  1. Alto grau de energia. São pessoas que têm comprometimento e habilidade para conseguir que as coisas sejam feitas; persistência para fazer as coisas até o final; energia física e mental, iniciativa, vigor e muita força de vontade para levar um projeto, ou um sonho, até o fim.
  2. Pensar como empreendedor. Para ter sucesso, o empresário deve inovar idéias e caminhos; pensar ou explorar soluções não-ortodoxas; fazer comparações inteligentes, tirando conclusões sobre elas e usar a razão em termos práticos, teóricos e abstratos.
  3. Talento no relacionamento com as pessoas. Envolve a vontade e a disposição da pessoa em trabalhar com outras pessoas, aceitar comentários, rir e sorrir de situações mesmo quando as coisas vão mal. Esta parece ser a principal característica, diz o estudo.
  4. Habilidade em comunicação. Envolve a habilidade de falar de forma clara, sem rodeios, sem rebuscamentos e a habilidade de ouvir e realmente, escutar as pessoas, absorver e entender o que elas dizem. Escrever de forma clara e concisa e ter a capacidade de transmitir confiança para as pessoas com quem se comunica.
  5. Conhecimento técnico. Curiosamente a última da lista. Envolve a capacidade do executivo em obter e trabalhar as informações sobre o que faz, o que vem acontecendo em seu campo de atuação, quais as mudanças prováveis, e preparar-se para elas. Isto, é claro, requer vontade, estudo e dedicação.

 

Gostaria que você tomasse um pouco do seu tempo para fazer uma autoanálise do seu perfil como empreendedor. Nenhuma empresa, nenhum negócio pode prosperar sem uma atitude empreendedora do empresário, diretores, gerentes, supervisores. Desenvolver as habilidade de um empreendedor é fator fundamental para o sucesso. Depois da autoanálise, sugiro que coloque em um papel quais das cinco características você precisa desenvolver. Depois escreva o que pretende fazer para desenvolvê-las. Dê um prazo para isso e defina os meios, a metodologia, as estratégias que você utilizará. Só assim, com muita VONTADE e DETERMINAÇÃO, o sucesso chegará. Como diziam os mais velhos, o único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é… no dicionário!

Fonte: Só não erra quem não faz! de Luiz Marins

Para ler o 1º capítulo do livro: clique aqui!

 

Anúncios

Ao anunciar mudanças na empresa, não assuste as pessoas! (por David Miller)

fevereiro 3, 2016

Uma vez tendo enxergado as mudanças através das lentes do controle, você pode começar a perceber o que acontece às pessoas quando você anuncia mudanças. Isso é particularmente verdade quando anuncia mudanças que elas não estão esperando.

 

As mudanças rompem com os fortes sentimentos de controle conscientes ou inconscientes que as pessoas desenvolvem no status quo ou no estado atual. Consequentemente, as pessoas no meio das mudanças geralmente se sentem inseguras e amedrontadas. Elas estão preocupadas que lhes possa faltar a capacidade de mudar; elas podem ter tantas outras mudanças acontecendo que simplesmente não têm mais a capacidade de lidar com isso. Elas também podem estar preocupadas em não ter as habilidades necessárias. A ideia de aprender uma nova forma de produzir pode causar desconforto, já que geralmente as pessoas têm dúvidas se ainda possuem as competências que precisarão para terem sucesso. Além disso, pode lhes faltar a confiança de que serão capazes de produzir da nova forma.

 

As pessoas geralmente constroem certo nível de confiança na forma como trabalham hoje; sua confiança pode balançar se elas tiverem de desaprender tudo isso e produzir de uma nova forma. E elas ficarão desconfortáveis com as novas formas de trabalho e com as novas relações de trabalho; existe um nível de conforto em poder fazer seu trabalho bem o suficiente para não causar qualquer estresse. Além do mais, quando as tarefas e as responsabilidades mudam, as relações de trabalho podem ser alteradas; as pessoas geralmente perdem as relações estabelecidas e se preocupam sobre como as novas serão.

 

 

insta_03_02_Gestão de Mudança_David Miller_Integrare_Edit

 

 

Fonte: livro “Gestão de mudança com sucesso”, de David Miller – Integrare Editora

Saiba mais sobre o livro!

 

 


Um mito em relação a liderança: Um líder tem que ser carismático (por Cesar Souza)

março 18, 2015

Liderança não é sinônimo de carisma, nem de falar bem, muito menos de extroversão e simpatia. São crenças improcedentes. Se uma pessoa tem carisma, ótimo, isso facilita o exercício da liderança. Mas, se não tem, não está impedida de liderar. O carisma pode até alavancar o líder, mas não substitui outras formas necessárias. O líder eficaz precisa ter conteúdo. Afinal de contas, “saco vazio não para em pé por muito tempo”. Pois é, líder vazio, só cheio de carisma, tem um prazo de validade limitado.

Lembro‑me dos inúmeros lideres competentes, nos quatro continentes, cujo grau de carisma não é muito elevado. Mas isso não os impediu de exercer a liderança de forma eficaz. Até pessoas tímidas podem ser lideres eficazes quando sabem construir com suas equipes o rumo a seguir, têm coragem para tomar decisões difíceis e cercam-se de profissionais que os complementam, inclusive para compensar seu baixo nível de carisma quando as circunstâncias exigem. Ah, quanta gente perde a chance de exercer liderança porque se julga tímida e pouco carismática… Precisamos fugir dessa armadilha mental!

INSTA_18_03_2015_A Neoempresa_Cesar Souza_Integrare_Edit

Fonte: livro “A NeoEmpresa – o futuro da sua carreira e dos negócios no mundo em reconfiguração”, de César Souza – Integrare Editora

Saiba mais sobre o livro!


Premissas essenciais da liderança (por Waleska Farias)

dezembro 3, 2014
  1. Gostar de gente

Quando me perguntam se existe alguma característica ou habilidade essencial para se assumir um cargo de liderança, respondo de imediato: gostar de gente. Pessoas – este é o grande diferencial. Quando o interesse do líder pelas pessoas é genuíno, ele as respeita, se envolve com elas e espera delas sempre o melhor. E ao permitir-se esse nível de envolvimento, está voluntariamente fazendo com que elas se desenvolvam e cresçam com o objetivo de sempre se superar.

 

  1. Promover objetivos colaborativos

Estamos, enfim, ingressando na era do ser. Um tempo marcado pela cooperação, em que o ser ocupa seu próprio lugar. Observando a evolução das interfaces humanas nas relações de trabalho é possível reconhecer a importância das proposições colaborativas para que as trocas em grupo estabeleçam o real sentido da construção dos resultados por meio de iniciativas conjuntas.

 

  1. Construir alianças

No contexto da construção de aliança as responsabilidades devem ser compartilhadas. Quando me comprometi com a indicação de alguém para compor o quadro funcional da empresa do meu cliente me tornei corresponsável. Nos trabalhos em parceria, em que construímos um vínculo de confiança, méritos e riscos devem ser compartilhados. Unir-se ao outro faz parte do processo, afinal, trata-se de uma aliança.

Post_FB_03_12_lider_integral

 

Fonte: livro “O líder integral – Porque o bom ser humano precede o bom líder”, de Waleska Farias – Integrare Editora

Saiba mais sobre o livro!


O que o mercado quer mesmo é a verdade! (por Lígia Fascioni)

outubro 15, 2014

É melhor você assumir suas características e torná-las um diferencial positivo do que investir muito tempo, muito dinheiro e muito desgaste para mudar a sua essência (sem garantias de conseguir) e ficar igualzinho ao que todo mundo diz que é (inovador, ético, valorizador de pessoas, respeitador do meio ambiente, blá, blá, blá…).

Essas frases marketeiras sobre as querências do mercado se parecem muito com as daqueles livros bobinhos de autoajuda que ensinam “o que as mulheres querem”, “o que os homens desejam”, “o que fazer para agarrar um solteiro” e outras bobagens afins. “O que o mercado quer” é uma afirmação muito genérica. O tal do mercado é uma entidade complexa e cheia de nichos. Cabe a cada empresa encontrar um para chamar de seu, justamente aquele que gosta dela tal como é.

O sucesso depende mais da atitude e das estratégias corretas para conquistá-lo do que de fazer sempre o que se acredita que “o mercado queira”.

DNA Empresarial_Lígia Fascioni_Integrare Ed

 

Fonte: livro “DNA Empresarial – Identidade corporativa como referência estratégica”, de Lígia Fascioni – Integrare Editora

Saiba mais sobre o livro!


E-mails quentes, cabeça fria… cuidado ao respondê-los! (Sergio Chaia)

setembro 19, 2014

Perguntei a um empresário muito famoso o segredo do seu sucesso. Entre as várias atitudes que ele mencionou, a que mais se destacou foi a disciplina, que pode e deve ser aplicada a tudo, até a um simples e-mail.

Quem nunca recebeu um e-mail carregado de raiva? Ou uma bronca pelo correio eletrônico da empresa? Eu já, e foram vários!

Descarregar no e-mail é muito mais fácil do que pessoalmente. Olhando a tela do computador, ficamos muito mais à vontade e protegidos para extravasar – às vezes com total (outras vezes sem nenhuma) razão. A nossa tendência ao receber um e-mail desse tipo é logo dar o troco e responder na mesma moeda, iniciando uma briga não presencial. Afinal, se o outro pode, por que a gente não pode?

Justamente para esses casos a dica desse empresário se revelou muito útil. Ao abrir um e-mail com essas características, ele nunca responde imediatamente. Prefere deixá-lo descansar em sua caixa de entrada por, no mínimo, 24 horas. Assim, a sua resposta a uma provocação tende a ser mais sábia e produtiva, em vez de apenas colocar ainda mais lenha na fogueira, sob pena de queimar a reputação que você está construindo com tanto esforço, na empresa e no mercado. Como no e-mail tudo o que foi escrito fica registrado, uma resposta errada pode ter efeito muito negativo na sua vida profissional.

Post_FB_15_09_sera_que_eh_possivel

Fonte: livro “Será que é possível? Aprendizados, histórias e resultados na busca da harmonia entre vida profissional, pessoal e espiritual”, de Sergio Chaia. Integrare Editora

Para mais informações sobre o tema, Consulte o livro ou entre contato conosco.

Saiba mais sobre o livro!


Algumas atitudes fundamentais para manter um ambiente de trabalho produtivo… por César Souza

abril 24, 2014

FOCO e DETERMINAÇÃO

Devemos saber definir claramente as prioridades e hierarquizar as ações, ou seja, ter foco.

Não significa fazer uma coisa de cada vez, pois no mundo atual essa não é uma atitude vencedora. A realidade requer pessoas multifocadas. Porém, como o mundo está cada vez mais fragmentado e oferece múltiplos estímulos, corremos o risco de dispensar nossos objetivos e de empreender esforços na direção errada. Para surpreender pelos resultados é necessário ter muita disciplina, concentração e determinação.

Significa não joga a toalha nunca.

Pessoas perseverantes superam obstáculos, por mais intransponíveis que pareçam. Os verdadeiros líderes são resilientes, mesmo tendo de lutar contra seus medos para transpor momentos difíceis, inesperados e indesejados.

 

Imagem

 

Fonte: livro “A NeoEmpresa – O futuro da sua carreira e dos negócios no mundo em reconfiguração”, de César Souza – Integrare Editora

 

Saiba mais sobre o livro!

 

 


%d blogueiros gostam disto: