Ter tudo ou nada desmotiva o estudo

março 2, 2012

Um dos maiores prazeres do professor é acolher um aluno com vontade de aprender. Infelizmente, na realidade brasileira, a maioria dos alunos está mais interessada em diplomas do que na aprendizagem em si. Encontramos pessoas vivendo no Brasil inteiro, em aglomerações que vão de pequenas vilas, bairros periféricos e cidades pequenas – onde o futuro é pouco promissor – a grandes centros metropolitanos, onde são numerosas as oportunidades para todos os tipos de competências profissionais.

Onde quer que essas pessoas estejam localizadas, elas podem ser divididas em três grandes grupos:

 

1 Parados, que Marcam Passos no local e que até para aprender são lentos;

2 Movimentados, que dão pequenos Passos Além, mas que não saem do local e só aprendem o suficiente para melhorar suas vidas;

3 Migrantes, que dão grandes Passos Além, predispostos a sair do seu local de origem, bairro, cidade ou estado em busca de algo que até então não encontraram, dispostos a aprender o que for necessário para conseguir o que querem.

 

 

Fonte: trecho do livro “Pais e Educadores de Alta Performance”, de Içami Tiba  – Integrare Editora

Para mais informações sobre o tema, consulte o livro ou entre contato conosco.

Clique aqui para baixar o 1º capítulo do livro!

Anúncios

Somos todos Educadores

julho 1, 2011

Todo ser humano é um educador em potencial, pois já nasce um aprendiz. Se ninguém lhe ensina nada, aprende com as próprias experiências. A educação é fundamental para a sobrevivência da civilização e da cultura. Não podemos mais imaginar que alguém viva absolutamente isolado da influência dos outros.

Onde houve relacionamentos, estará presente a educação. Um indivíduo pode até se isolar para meditar no pico do monte Everest, mas não há como ter vivido até essa altura da vida sem, antes, ter conhecido outras pessoas. Basta lembrar que um dia ele nasceu de alguém.

Ninguém tem tempo nem condições de descobrir tudo sozinho neste mundo. O homem não para de ser inundado com novas tecnologias, ideias e costumes.

Aprender com quem sabe tornou‑se imprescindível.

Em qualquer ocasião, sempre há alguém ensinando e

outro aprendendo, direta ou indiretamente.

Fonte: trecho do livro “Pais e Educadores de Alta Performance”, de Içami Tiba – Integrare Editora

 


%d blogueiros gostam disto: