Lidando com nossas emoções. (por Alexandre Prates)

setembro 9, 2015

Há algo que o pode impedir de conquistar seus objetivos: suas emoções.

Na verdade, a incapacidade de controlá-las, definida por muitos especialistas como inteligência emocional. Segundo Daniel Goleman, autor de diversos livros sobre o tema, “Inteligência Emocional é a capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos”.

Nossos valores determinam nossas ações, que, por sua vez, são disparadas por nossas emoções. Tudo o que fazemos em nossa vida, fazemos impulsionados por nossos valores. Portanto, ter consciência dos nossos valores nos faz compreender nossas emoções. Por exemplo, um profissional bem-sucedido, que já chegou ao topo de sua carreira como executivo, percebe que, apesar de toda a fama, não está feliz. Por quê? Porque, mesmo inconsciente, seu valor família pode estar falando mais alto e ele começa a perceber que toda a fama não está valendo mais a pena. Então, algumas emoções começam a ser disparadas: insegurança, tristeza, raiva etc. No entanto, se ele conhecesse seus valores, saberia que suas escolhas afetariam suas emoções e, consequentemente, seus objetivos.

Lembre-se de que as emoções são disparadas por nosso pensamento e nosso pensamento é composto por valores e crenças.

Inteligência emocional não é viver livre de emoções negativas, mas saber controlá-las e, principalmente ter consciência como são disparadas.

insta_09_09_Resultado_Alexandre Prates_Integrare_Edit

 

Fonte: livro “Resultado – A liderança além dos números”, de Alexandre Prates – Integrare Editora

Saiba mais sobre o livro!

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: