Viagem: o melhor investimento (por Eugenio Mussak)

Há dois tipos de viagem de que eu gosto: as que eu planejo até nos mínimos detalhes e as que eu faço sem planejar nada. Pode parecer um contrassenso, mas a verdade é que são estilos diferentes de viagem.

É claro que as viagens planejadas são mais confortáveis, têm menos surpresas, mas não podemos esquecer que as surpresas fazem parte; aliás, viajamos exatamente para nos surpreender com o mundo. Atualmente eu prefiro planejar até certo ponto, como definir bem as datas de ir e de voltar, reservar hotéis nos pontos principais etc., mas gosto de deixar espaço para o improviso, para a aventura. O importante é ter uma ideia do que se espera da viagem e estar preparado para improvisar.

Viajar é uma das melhores sensações da vida. O dinheiro aplicado em uma viagem não é um gasto e sim um investimento. Seu retorno vem em forma de cultura, de entendimento, de percepção, de experiência e, principalmente, em forma de vida. Uma viagem não se esgota no retorno. Continua em nossa lembrança em forma de imagens, sons, cheiros, texturas.

insta 13_07_Preciso dizer o que sinto_Eugenio Mussak_Integrare_Edit

 

Fonte: livro “Preciso dizer o que sinto”, de Eugenio Mussak – Integrare Editora

Saiba mais sobre o livro!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: