Como desenvolver a prática se… estou sem tempo?

Estar “aqui”, estar centrado e observando a atividade circular do movimento da vida, que muda, sobe, desce, flui e reflui ao redor do self, sem se apegar ou se identificar, sem ser “sugado”, exige prática. Porém, é somente quando você realmente começa a praticar que a lacuna entre a teoria e a prática fica visível. Como sempre, teorizar é fácil; a prática é… desafiadora.

A seguir, apresentada de modo bastante resumido, vem a prática:

Enquanto estiver praticando, lembre-se de não alimentar nenhuma expectativa, não se comparar aos outros e nunca tentar repetir nenhuma “insperiência” que tiver.

Fonte: Trecho do Livro “Os 7 mitos sobre o amor – Uma viagem da mente ao fundo da alma”, de Mike George – Integrare Editora

Para mais informações sobre o tema, consulte o livro ou entre contato conosco.

Clique aqui para baixar o 1º capítulo do livro! 

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: